Harmonia e equilíbrio

Harmonia e equilíbrio através dos Florais de Bach.

INTRODUÇÃO

Harmonia. Florais são essências advindas de flores usadas para harmonizar e equilibrar o indivíduo. Podem ser feitos de duas maneiras: pelo método solar ou fervura. As flores utilizadas vão variar conforme o Sistema usado, apesar de muitas flores estarem presentes em mais de um Sistema. Porém, cada um deles trabalha com uma gama específica de flores. Hoje em dia temos uma variedade grande e diversificada de Sistemas: Florais de Bach, Florais de St. Germain, Florais de Minas, Florais da Califórnia, Florais do Deserto, Florais da Terra, entre muitos outros.

Essa forma de tratamento teve início com o médico Edward Bach, o criador do Sistema Bach, que resolveu se retirar para uma floresta na Grã- Bretanha (entre 1930 e 1934) e estudar a vibração e a energia das flores. Ele dizia que os males físicos eram provenientes da falta de harmonia e equilíbrio emocionais e por isso não resolveria apenas tratar do efeito, mas primeiramente da causa. Isso significa que o uso de florais, entre outros fins, também é dirigido para trabalhar a causa do mal físico, a desarmonia mental-emocional que gerou o problema físico-vital manifestado. Harmonia é fundamental para o bem-estar.

A DESCOBERTA

A partir desse estudo do Dr. Bach foram descobertas 38 flores que poderiam auxiliar o indivíduo emocionalmente e energeticamente em diversas características e comportamentos, tais como depressão, solidão, insegurança, medos, traumas e muitos outros sentimentos que podem gerar também a desarmonia física, doenças, mal-estar, etc. A partir dessa ideia e criação outros pesquisadores buscaram outros Sistemas e hoje contamos, felizmente, com uma infinidade de essências florais abrangendo muitos sintomas e estados mentais-emocionais diferentes.

Por se tratar de uma terapia holística, a busca da Harmonia, ou seja, que trata e enxerga o homem na sua totalidade, recomenda-se que se tomem os florais segundo a sugestão de um terapeuta e seu acompanhamento. Uma vez que é vibracional, energética e sutil requer todo um processo de observação de terapeuta/cliente para que se consiga atingir os objetivos iniciais, afinal de contas uma pessoa busca o floral com uma finalidade e essa será alcançada se for desenvolvida da maneira correta.

Imagine que é uma terapia que faz o movimento idêntico ao do problema… A sensação desagradável ou a manifestação física da desarmonia surgem de dentro para fora, o floral agirá da mesma forma. Por isso é sempre bom ser observado por si mesmo e também por um profissional que possa nos mostrar algumas transformações sutis às quais não estamos definindo. Procure um profissional para encontrar Harmonia.

COMO USAR?

Por não ter contra-indicação e se tratar de terapia vibracional qualquer pessoa pode manipular seu próprio floral e tomá-lo. Busque sua Harmonia. A questão é que apesar de sabermos muitas vezes “onde” se encontram nossas desarmonias emocionais muitas vezes não somos imparciais o suficiente para podermos fazer nosso próprio diagnóstico. Não se trata de incompetência mas sim de vivermos com nossos problemas dia-a-dia, e por estarmos envolvidos com ele pode nos escapar detalhes ou acontecimentos que um profissional pode captar. Por esse motivo, pede-se cautela ao se “criar” um floral próprio e a forma de tomar.

O recomendável é colocar duas gotas da essência floral selecionada, diluída em água e conhaque (ou outro conservante, caso haja restrição à álcool). Se necessário for pode-se colocar mais de duas gotas, apesar desse número ser o indicado. Tudo vai depender do caso em questão.

Como tomar também varia conforme o cliente, mas a dose básica é de quatro gotas sublinguais, quatro vezes ao dia. Muitas vezes recomenda-se maior número (de gotas ou de vezes), o que significa a particularidade de cada caso.

Podem ser utilizadas mais de uma essência em cada buquê (combinação de essências florais), mas o bom-senso pede que tome-se muito cuidado, senão na hora do “aperto” alguém encomenda um floral com 20 essências e assim fica difícil saber o que se busca, para quê e porque. Não há um número especificado, mas vale lembrar que a ansiedade não vai ajudar nessa hora, vai apenas dificultar ainda mais a percepção da Harmonia, então procuremos sempre atingir um objetivo de cada vez.

Abaixo seguem algumas propriedades de flores para quem busca informação à respeito. E lembre-se: Cada Sistema tem sua vibração e mecanismos próprios, por isso não siga esse pequeno roteiro sem antes consultar um profissional competente. Encontre a Harmonia através dos florais.

FLORAIS DE BACH

Agrimony – Pessoas aparentemente alegres e divertidas mas que escondem comportamento angustiado, tristezas e problemas. Reprimem seus sentimentos e precisam agradar à todos por isso. Agrimony alivia essa repressão e possibilita o trabalho real com seus sentimentos e o mundo ao redor, sem o medo de perder ou ser abandonado.

Aspen – Para os indivíduos que não sabem definir qual o seu medo. Sentem esse medo e não entendem como, nem o porque. Por isso essa essência ampara essa sensibilidade e a energia.

Beech – Pessoas intolerantes, que não aceitam erros de quem convive com elas; julgam e criticam as pessoas demasiadamente, não costumam ver o lado bom das coisas. Beech traz harmonia para compreensão e tolerância e sossega a necessidade de críticas e destruição.

Centaury – Indivíduos que confundem gentileza com servidão, se sacrificam pelos outros, esquecem de si mesmos. Essa essência equilibra a auto-estima e traz confiança para que a pessoa se liberte da escravidão pelas opiniões alheias.

Cerato – Nos casos de indecisão exagerada, quando pedem opiniões para todos sobre o que vão fazer por se sentirem inseguras e mesmo depois de optarem ainda ficam incertas de sua decisão. Cerato traz confiança nas decisões e amplia a capacidade de ordenar pensamentos, trazendo convicções internas para as atitudes.

Cherry Plum – Usado para pessoas amedrontadas por seus próprios pensamentos e atitudes, que sentem medo de perder o controle e se arrependem de seus atos. Traz calma e tranquilidade, além de harmonizar e dar a sensação de “proteção” à quem está fragilizado por esses sentimentos.

Chestnut Bud – Nos casos de pessoas que sempre passam pelos mesmos erros na vida, quando os fatos se repetem incessantemente e a pessoa reage da mesma forma todas as vezes. Essa essência libera padrões mentais, energéticos e emocionais muito arraigados e cria novos padrões, mais flexíveis e adequados ao momento, evoluindo e crescendo no presente.

Chicory – Pessoas manipuladoras que normalmente se apresentam como protetoras, dedicadas e calmas. Normalmente acobertam uma característica possessiva e dominadora, se utilizam de “chantagens emocionais” e cobram os “favores” que prestam. Chicory traz consciência para lidar com essa característica e traz a independência necessária para esses casos.

Clematis – Nos casos de distrações, desligamentos, desinteresses e desatenção. São pessoas conhecidas por viver “no mundo da lua”, e têm falta de concentração e dificuldade de aprendizado. Essa essência traz a pessoa para a realidade, para a “terra” e permite que potencialize e use sua criatividade na realidade, não apenas em ilusões.

Crab Apple – Floral de limpeza, elimina toxinas emocionais, físicas e mentais; para àqueles que ingeriram muitos remédios por longos períodos de tempo e querem “limpar” o organismo. Também para quem tem mania de limpeza ou mesmo se sente “sujo”.

Elm – Para àqueles que tem muitas responsabilidades cotidianas: chefes de família, empresários, etc. Essa esência retira a sensação de “peso” e alivia o dia-a-dia a fim de se sentirem capazes de “dar conta” de todas as suas responsabilidades.

Gentiam – Para o pessimismo de indivíduos que mesmo conhecendo a possibilidade de alcançarem seus objetivos desistem dos mesmos facilmente, ou desanimam ao primeiro obstáculo que encontram. Essa essência resgata o otimismo e a esperança de vencer, traz fé e força de vontade nas horas de ceticismo e desconfiança

Gorse – Nos casos de desesperança total por melhoras na vida, quando a pessoa não acredita que nada será feito em favor dela, ou nos casos de tratamento de saúde prolongado o qual as chances de recuperação se tornaram escassas. Gorse auxilia a vencer o sofrimento e trazer a esperança de que dias melhores virão independente dos limites que se possa vir a ter.

Heather – Nos casos de necessidade de atenção, indivíduos que falam compulsivamente, querem ser vistos o tempo todo, não ouvem as outras pessoas e só querem falar. Esse floral ameniza essa carência fazendo com que a pessoa se sinta “alimentada” e nutrida e lide com o externo e o interno de forma equilibrada.

Holly – Para sentimentos de ódio, inveja, ciúmes, rancor, mágoas, etc. Pessoas vingativas que costumam fazer intriga e fofocas, usam palavras ásperas. Holly harmoniza esse estado emocional e energético, fazendo com que a pessoa possa controlar seus impulsos destrutivos em relação aos outros.

Honeysuckle – Para a nostalgia extrema, indivíduos que vivem e se alimentam do passado, acham que nunca mais serão felizes como foram (ou supostamente foram), por isso não abrem novos caminhos na vida. Honeysuckle harmoniza passado e presente, ensina a ver a beleza de cada dia e se abrir às novas experiências com alegria.

Hornbeam – Para quem se encontra exausto, cansado física e mentalmente. Para aqueles que tem rotina monótona e entediante, perdendo assim o interesse pelo trabalho e pela vida, sentem-se sem forças para realizar suas tarefas diárias. Essa essência traz a renovação e a vitalidade, força para rever seu cotidiano e alegria para tal e assim melhora sua qualidade de vida.

Impatiens – Aos impacientes, perfeccionistas, que não permitem ajuda alheia por falta de paciência em ver alguém agir em ritmo diferente do seu. São pessoas inteligentes e de raciocínio rápido, agitadas. Essa essência traz a tranquilidade e serenidade de lidar com o ritmo externo e respeitar o que está à sua volta.

Larch – Para auto-confiança, valorização de pessoas que se sentem complexadas e inferiores, inseguros e desanimados em relação a si mesmos. Traz firmeza e estrutura para o indivíduo desabrochar e se redescobrir.

Mimulus – Indicado para medos conhecidos, do dia-a-dia (medo de dirigir, de água, de assalto, etc). Estimula a pessoa a encarar esses desafios e a resgatar a auto-confiança.

Mustard – Para indivíduos deprimidos e tristes sem motivo aparente, surgindo e sumindo de uma hora para outra, gerando inconstância e descontrole. Mustard ajuda a pessoa a entender e compreender seu momento e lidar com a inconstância de forma consciente.

Oak – Indivíduos que se cobram em demasiado, quando começam a fazer uma atividade e não param enquanto não terminarem, mesmo que se sacrifiquem para isso. São extremamente exigentes e impiedosos consigo em todas as áreas da vida. Oak traz a noção de limites externos e internos e tranquiliza a pessoa em relação às expectativas e resultados.

Olive – Esgotamento e exaustão extremos, falta forças para tarefas mínimas do cotidiano. Essa Essência vitaliza, reanima, dissolve os efeitos de cansaço e fadiga e dá novo ânimo para a pessoa em relação à vida.

Pine – Para os casos de culpas, pessoas que se culpam por tudo até pelo que não fizeram. Pine ameniza essa sensação e traz a serenidade para a pessoa separar as coisas e não arcar com tantas responsabilidades sem motivo aparente.

Red Chestnut – Para pessoas excessivamente altruístas, que se preocupam em demasiado com o bem estar alheio, temendo que algo de ruim aconteça com quem gosta, e esquecem de pensar em si mesmas. Essa essência traz segurança e ajuda a focalizar a atenção de forma equilibrada.

Rescue Remedy – Ao contrário do que muitas pessoas acreditam, o Rescue não é indicado para todos os momentos ou para se iniciar um tratamento. Se for necessário está correto, mas trata-se de um “calmante” para emergências, choques, acidentes – sempre lembrando que durante seu uso a pessoa precisa recobrar seu mental e emocional. Por isso ele é usado em casos de real necessidade, já que é voltado para emergências.

Rock Rose – Emergencial para medos, pavores , traumas. Traz clareza mental para essas situações e permite sair delas sem ser controlado ou vencido pelas mesma.

Rock Water – Muito utilizado no início de tratamento ou quando a pessoa não sente resultados do floral o qual está fazendo uso. Trata-se de água de rocha e não de uma flor. Abranda inflexibilidades e rigidez de atos, princípios, costumes.

Rock Rose – Emergencial para medos, pavores, traumas. Traz clareza mental para essas situações e permite sair delas sem ser controlado ou vencido pelas mesmas.

Scleranthus – Indicado para pessoas volúveis e oscilantes em decisões, que sofrem silenciosamente por isso e se tornam bastante instáveis, não procuram ajuda de ninguém. Sentem dificuldade em encontrar seus propósitos e objetivos na vida.

Star of Bethlehem – Emergencial para traumas, choques, acidentes, e em qualquer situação que necessite calma, reestabelecimento emocional, proteção e harmonia imediatos. Auxilia em qualquer tipo de crises.

Sweet Chestnut – Nos casos de extrema angústia e desespero, a pessoa sente-se por demais fragilizada e sem possibilidades de melhoras nesse sentido. Auxilia nas depressões e ampara novos sentimentos.

Vervain – Pessoas que tem sua verdade como unica e imutável, são fanáticas e idealistas, tensas e irritadas, costumam tentar impor idéias para outras pessoas. Não desistem enquanto não “vencerem” uma discussão. Essa essência trabalha esse radicalismo trazendo ponderação e auto-crítica.

Vine – Para os “ditadores”, dominadores, àqueles que não admitem serem desobedecidos e contrariados, subjugam outras pessoas e exigem prontidão alheia. Vine suaviza esse extremo, dissolvendo a inflexibilidade e trabalhando a necessidade de comando.

Walnut – Muito usado para períodos de mudanças, de qualquer espécie: de casa, de país, cidade, emprego, separações, etc. Traz firmeza e tranquilidade para as renovações da vida.

Water Violet – Para pessoas tímidas, que buscam isolamento, reservadas e com dificuldade de socialização. Resolvem seus problemas sozinhas, sentem-se tristes, solitárias e cultivam poucos amigos ou não os têm. Water Violet traz à tona a consciência das causas desse isolamento e o ímpeto de envolvimento com o externo.

White Chestnut – Nos casos de hiperatividade mental em pessoas que aparentam calma e tranquilidade. Em alguns casos, internamente essa pessoa tem pensamentos obsessivos e repetitivos, pensam o tempo todo no que fizeram ou vão fazer e não se concentram na realidade. White Chestnut auxilia a organização desses pensamentos e traz a tranquilidade para viver o aqui e agora sem remoer internamente seus pensamentos, apenas priorizando-os.

Wild Oat – Pessoas que sabem o que buscam mas não sabem de que forma fazê-lo, mudando sempre de emprego ou profissão por não saber como definir sua vocação. Wild Oat traz à tona essa capacidade de definição e a verdadeira vocação.

Wild Rose – Nos casos de desânimo e apatia, desinteresse pela vida, resignação e falta de interesse para lutar pelos objetivos. Aparentam não gostar de viver. Wild Rose amplia a visão em relação a si mesmo e ao mundo que está à sua volta, traz clareza e vontade de viver.

Willow – Nos casos de mágoas, rancores, ressentimentos, para indivíduos que culpam aos outros pelos seus erros e se vitimizam frequentemente por tudo. Convivem com sentimentos de raiva e desprezo e acredita que todos o diminuem, nunca estão satisfeitos. Willow “apruma” esses conceitos e essa postura, amplia e modifica essa visão e trabalha a auto-piedade de forma saudável.

Por dra. Kelma Mazziero CRT 31440
Cedido por Kelma Mazziero
tarot@osite.com.br

Diretório de Terapeutas

CONSULTE PROFISSIONAIS TERAPEUTAS E PSICOTERAPEUTAS

O diretório Terapeutas PRO reúne profissionais terapeutas e psicoterapeutas de diversas áreas do conhecimento humano. Acesse o diretório, pesquise a área de interesse e consulte um profissional via whatsapp com apenas um clique. Fácil assim.

Terapias Holísticas